ÚLTIMAS NOTÍCIAS

15 Maio 2015
26 Março 2015
25 Março 2015
24 Março 2015
24 Março 2015

A espera pelo transplante.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Meses podem se passar desde a inserção em lista de espera do paciente para o transplante e a localização do órgão adequado pela Central de Transplantes. Durante esse tempo, o paciente deve se preparar adequadamente, adotando atitudes positivas para lidar com o estresse da espera, mantendo atividades saudáveis e seguindo as orientações da equipe transplantadora.

Infelizmente, existem mais pessoas esperando um órgão do que o número de fígados doados por ano. O tempo de espera depende dentre outros fatores, do tipo sanguíneo e da gravidade da doença. A equipe médica não consegue determinar precisamente quando o transplante ocorrerá. Esse período pode ser estressante, frustrante e até desencorajador.

Um novo fígado significa novas responsabilidades, a indicação e aceite em se submeter ao procedimento requer comprometimento para toda a vida. O objetivo antes do seu transplante é a manutenção da melhor saúde possível, a equipe está comprometida em obter um excelente resultado para o seu tratamento. Em troca, é esperado a sua participação ativa nos cuidados de sua saúde. Isso significa se alimentar da maneira adequada, praticar atividades físicas, parar de fumar, tomar as medicações conforme prescritas, informar de modificações de sua saúde, respeitar os agendamentos de consultas e evitar qualquer tipo de drogas e álcool.

O transplante é um cirurgia muito séria, e quão melhor sua forma física estiver antes da cirurgia, menos provável que você venha a ter complicações. Por esse motivo encorajamos você a praticar atividades físicas, perder peso e parar de fumar. Nossa política é de "tolerância zero" em relação a álcool e drogas. De maneira aleatória testes sanguíneos e de urina podem ser realizados em busca dessas substâncias. A negativa de realização desses testes é considerada como um teste positivo. A equipe de transplante se reserva ao direito de inativar o paciente da lista de transplante nessas situações.

Durante a espera, o paciente será acompanhado de maneira regular por um membro da equipe médica para revisão de sua saúde, prevenção e manejo de muitas das complicações da doença hepática.  Caso você seja de uma cidade distante, na espera pelo transplante você deve continuar a manter seu acompanhamento com o seu médico local.Ele deve ser a primeira pessoa a lhe ajudar com problemas repentinos. Seu médico poderá nos contactar para agendamento de uma consulta em caráter de urgência se ele achar que seus sintomas requeiram rápida avaliação pela nossa equipe. Na maior parte dos casos seu médico local pode realizar a assistência.

Não deixe de tomar as medicações prescritas e ajustar as doses quando solicitadas.

A utilização de ervas, alguns suplementos nutricionais e outros remédios holísticos ou "naturais" são altamente desencorajados. Essas substâncias não são reguladas pela agência nacional de vigilância sanitária (ANVISA).  É impossível nós determinarmos o impacto delas na sua vida como um paciente com doença hepática, tão pouco a interação delas com suas medicações prescritas. 

Tudo que comemos deve ser processado e "limpo" pelo fígado, e com um fígado doente muitas de suas funções normais não são realizadas. Quando você não consegue processar os nutrientes, você pode se sentir cansado e fraco. Em estágios avançados da doença hepática pode ocorrer dificuldade na metabolização de alimentos ricos em proteínas, podendo resultar em sobrecarga de amônia na sua corrente sanguínea, causando alteração mental conhecida como encefalopatia. Desnutrição é também uma complicação da doença hepática crônica.

Seguir algumas orientações dietéticas é importante para diminuir as complicações da doença hepática: limite a quantidade de sal da dieta, coma uma dieta saudável, objetive um peso saudável.

Resumindo, a  espera pelo transplante pode desencadear sentimentos de estresse e ansiedade. Para ajudar a lidar com o estresse o paciente deve:

- Se alimentar de maneira adequada, tomar as medicações receitadas, praticar exercícios físicos diariamente.

- Manter suas atividades habituais, como estudo, trabalho, atividades de lazer. Não pare de realizar suas atividades habituais.

- Saiba que não tem nada de errado compartilhar seus sentimentos em relação ao transplante. A equipe transplantadora pode responder suas dúvidas e ajudar a aliviar as tensões.

- Aproveite o tempo com sua família e amigos. Boa companhia vai ajudar, rir é o melhor remédio.

 

Essas informações não possuem a intenção de substituir atendimento médico. Você não deve utilizar essas informações para diagnosticar ou planejar um tratamento para um problema de saúde sem consultar um médico. Se você está em alguma situação que coloque em risco sua saúde ou de emergência, procure ajuda médica.

Doe órgãos.

Essas pessoas foram transplantadas e
receberam uma nova oportunidade.
Saiba mais.

NOSSO ENDEREÇO

Voluntários da Pátria 475, cj 905a

80020-926

Curitiba - Paraná

Brasil

NOSSO CONTATO

(41) 32232219

As informações contidas nesse website têm a intenção de auxiliar, ao invés de substituir,as consultas com um profissional de saúde.

Seja um Amigo ICF Pessoa Física

Seja um Amigo ICF Pessoa Jurídica

©2021 ICF - Instituto para Cuidado do Fígado. All Rights Reserved. Usando Joomla! - www.zevicente.com.br

Please publish modules in offcanvas position.